Você é .com ou ponto fora?

Hoje em dia, todo empreendedor e empreendedora deveria se questionar sobre como posicionar sua empresa no mundo digital. Seja da porta para dentro, com a adoção de processos e métricas que se valem do uso de tecnologia, seja da porta para fora, com vendas e branding pela internet.

Você é .com ou ponto fora?

Hoje em dia, todo empreendedor e empreendedora deveria se questionar sobre como posicionar sua empresa no mundo digital. Seja da porta para dentro, com a adoção de processos e métricas que se valem do uso de tecnologia, seja da porta para fora, com vendas e branding pela internet.

verificado-p9b5wei8xhwe6tpnd9l0yfyhsau4bv7zr389bvjd9k

Camila Farani

30 de julho • 10 min

verificado-p9b5wei8xhwe6tpnd9l0yfyhsau4bv7zr389bvjd9k

Camila Farani

30 de julho • 10 min

Se você me acompanha, já deve ter visto que eu falo bastante essa frase: “Ou você é .com, ou você é ponto fora”. Seja no Shark Tank, nos meus posts, mentorias, palestras ou treinamentos.

Hoje em dia, todo empreendedor e empreendedora deveria se questionar sobre como posicionar sua empresa no mundo digital. Seja da porta para dentro, com a adoção de processos e métricas que se valem do uso de tecnologia, seja da porta para fora, com vendas e branding pela internet.

Mas afinal, por qual motivo eu vivo falando isso?

Simples. Se você almeja crescer o seu negócio, estar fora do digital não é uma alternativa. Não existem mais negócios que sejam ou físicos ou digitais – quer dizer, existem sim, mas não de maneira escalável. Esqueça essa dicotomia. É preciso pensar no negócio já com foco para existir nos dois mundos. E tirar o melhor proveito deles.

Por que, Camila?

Porque é no digital que as pessoas estão. É no digital que reside um imenso número de clientes, que extrapolam os limites do seu bairro ou da sua cidade. Fazer o tema de casa da digitalização é ir ao encontro desta multidão que deseja conhecer o seu produto/serviço, usá-lo e ainda contar para os outros o que acharam da experiência. Você já parou para pensar nisso?

Então vença suas resistências ao mundo digital – eu sei que tem muito empreendedor e empreendedora com esta limitação. Se você continuar batendo nesta tecla, seu escritório ou sua empresa vão quebrar, ou sua profissão vai ser engolida. Depois não digam que eu não avisei!

Nem eu e nem você queremos que isso aconteça. Bora ser .com e ponto dentro? Então, faça a sua inscrição na minha imersão gratuita.

Compartilhe este post nas suas redes sociais

Compartilhe este post nas suas redes sociais

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Não curti.

Meh…

Curti!

Não curti.

Meh…

Curti!

Você também pode gostar de:

Você também
pode gostar de:

Enterprise agility: o que era uma opção, agora é essencial

Empresas ágeis são aquelas que estão conseguindo…

Como melhorar a experiência do cliente?

Quando você encanta seus clientes e agrega mais valor…

Enterprise agility

Empresas ágeis são aquelas que estão conseguindo…

Experiência do cliente

Quando você encanta seus clientes e agrega mais…