Que conteúdo deseja pesquisar?

Exemplo: startups, shark tank brasil, modelo de pitch

Blog da Camila Farani

Notícias e Conteúdos Exclusivos

Mulheres Positivas: Camila Farani

Empreendedora bem sucedida e protagonista da modalidade de investimento-anjo no país, Camila Farani é também uma Shark no Shark Tank Brasil, que já está na 3ª Temporada e faz sucesso no Brasil.

Foi a primeira mulher investidora e presidente de um dos grupos pioneiros de investidores anjo do país, a Gávea Angels e tem grande papel no setor de empreendedorismo feminino, inclusive, é uma das co- fundadoras do MIA, o Mulheres Investidoras Anjo. Atualmente e Presidente da G2 Capital, boutique de investimento anjo. Ate hoje e investidora de mais de 30 startups ao longo do Brasil, tendo recebido em 2016 o premio de Melhor Investidor Anjo do Brasil pela ABS ( Associacao Brasileira de Startups)

Fez especializações no MIT, Stanford e Babson College e já lecionou na Fundacao Getulio Vargas. Ao longo de sua carreira já palestrou para mais de 50 mil pessoas e capacitou mais de 1500 empreendedores(as).

Como começou a sua carreira?
Comecei vivenciando os problemas reais de se empreender em um país como o nosso. Minha mãe tinha uma tabacaria e, com 20 anos, me propus a aumentar em 30% o faturamento do negócio dela criando uma pequena inovação. E combinei com ela que, se o desafio que eu propunha desse certo, passaria a ter porcentagem da empresa. Consegui 28% e minha mãe resolveu me recompensar porque eu provei que eu tinha capacidade de fazer ideias aconteceram através de resultados e não baseado em idéias . Foi minha investidora anjo (rs). Esse aprendizado carrego comigo em tudo que faço. Se você se propõe a fazer algo, analise a possibilidade, mas execute. Sem isso você só vive de sonhos.

O fato dela me dar uma porcentagem da empresa foi apenas uma das grandes lições que ela me ensina até hoje. Eu perdi meu pai aos 4 anos e a força da minha mãe me inspira para superar as dificuldades e seguir acreditando na vida sempre. E isso nunca me deixou esquecer de onde vim. Gratidão é algo indispensável na vida e nos negócios.

Você foi escolhida como referência pelos seguidores do instagram do Sebrae Nacional. Como foi esta conquista?
É extremamente gratificante e realizador ter sido escolhida ao lado de grandes nomes como Luiza Helena Trajano e Flavio Augusto. Eu entendi num certo momento da minha vida que passar conhecimento me traz um sentimento de realização muito grande e ter esse feedback positivo dos seguidores de redes sociais tem sido maravilhoso. Além disso, assumi uma responsabilidade de transmitir conteúdo relevante às pessoas, com embasamento, fontes de referências e expor minha opinião de forma a ajudar qualquer pessoa a ser protagonista de sua história. Então ter esse reconhecimento me mostra que estou no caminho certo de alguma forma.

Como é ser uma Shark?
Sou fã da versão americana do programa e assim que a Sony me chamou para fazer participações na primeira temporada, eu fiquei empolgada, honrada e com um certo receio pois a exposição tem seus ônus e bônus. Após a 1a temporada, posso considerar que participar do programa tem sido um verdadeiro presente. Receber um abraço apertado e ouvir que você muda a vida das pessoas tem um efeito magnífico. A Sony e a produtora são criteriosas não apenas na seleção dos empreendedores, mas também dos jurados. Na minha participação como shark, busco ser eu mesma: objetiva, direta, sensível e apurando meu olhar sobre a estratégia do negócio, sob o viés de investidora. Agi assim desde a primeira vez que eu coloquei os pés no estúdio.

É um grande orgulho participar de um programa que, além de ser um sucesso, impulsionou meu trabalho de disseminar o empreendedorismo no país. Mesmo que o programa não se trate de investimento anjo, muitas pessoas passaram a conhecer o termo e sua finalidade através dele o que ajuda também a alavancar a importância dessa modalidade de investimento.

Mesmo trabalhando muito você ainda tem tempo de estar sempre bonita e bem vestida, como consegue encaixar na rotina corrida?
Agradeço pelo bonita e bem vestida. É difícil conciliar tudo mesmo, inclusive porque as pessoas misturam muito prosperidade com sucesso. É muito importante você ser próspero e encontrar um significado para sua vida. Então, eu gosto de estar bem, o que não significa que eu estar sempre bem vestida, até porque o que é bem vestida para mim, talvez não seja para outras pessoas. Eu entendi que eu não queria ser escrava de padrões de beleza, mas, na medida do possível procuro estar bem arrumada.

Qual o seu maior sonho?
Meu maior sonho é ver o crescimento do empreendedorismo e investimento anjo no Brasil e que tenhamos cada vez mais suporte e apoio de entidades, pessoas jurídicas e físicas para fazer isso acontecer. Em paralelo impactar o maior número de pessoas a serem protagonistas de suas histórias. Sem dúvida alguma tudo que faço no meu dia a dia são ferramentas para atingir esse objetivo.

E, por essa razão, costumo sempre lembrar que ser empreendedor é empolgante e ao mesmo desafiador . É ter o domínio da própria vida em boa parte dos aspectos. A carga de responsabilidades é pesada e não há respostas exatas, mesmo assim a jornada é recompensadora se esse for o caminho escolhido.

Qual a sua maior conquista?
Aprendi desde cedo a não me acomodar e ser de fato responsável pela minha vida. Quando comecei a trabalhar com minha mãe, o caminho mais fácil era eu me acomodar no negócio da família. Preferi definir a narrativa da minha própria história e ir a luta. Abri novos negócios que me geraram receita passiva, fui executiva do Mundo Verde e quando me desliguei comecei a aportar conhecimento e capital em startups. Além disso, passei a dar aulas e capacitar pessoas e empresas em negócios, empreendedorismo e inovação.

Então, hoje minha maior conquista posso dizer que é ter seguido um caminho que me leva a investir em negócios e compartilhar conhecimento com outras pessoas. Quando alguém diz ter se inspirado em algo que falei, bate uma sensação de realização, pois nada melhor que escutar que seus exemplos motivam outras pessoas. Procuro me colocar em um constante estágio de aprendizado, assim me dá humildade para entender que ainda tenho muito a aprender e realizar.

Livro, filme e mulher que admira.
Gosto de muitos livros, mas há dois que sempre valem a leitura: O clássico “Pai Rico, Pai Pobre”, de Robert T. Kiyosaki e “Comece por você” (The Start-Up of You), de Reid Hoffman, fundador do Linkedin. Este último foi um divisor de águas na minha vida, pois fala muito que o empreendedorismo é um estilo de vida e não meramente abrir negócios.

Como filme recomendo o Lobo de Wall Street, que tem foco em estratégia, vendas e criação de equipe. E também Fome de Poder, que traz uma boa provocação sobre como modelar um negócio já existente e torná-lo um ícone mundial. Finalizo com Estrelas Além do Tempo que mostra 3 negras tratadas como funcionárias de 2a classe nos corredores da Nasa. Essas mulheres desafiaram preconceitos e entraram para a história.

Entre as mulheres que eu mais admiro, estão a Luiza Helena Trajano, do Magazine Luiza, incansável, destemida, um furacão e Oprah Winfrey, pelo histórico de violência familiar, preconceito e tudo que isso lhe serviu para se tornar o ícone como ser humano e mulher de negócios.

Fonte: Estadão

Camila Farani

Entre em contato ou siga-me nas redes sociais